Notícias da diocese › 09/08/2017

Impressões da Visita Pastoral na Paroquia São José Operário

O bispo da diocese de Osório, dom Jaime Pedro Kohl esteve dando continuidade à Visita Pastoral nos dias 4 a 6 de agosto, na Paróquia São José Operário, na Vila São João – Torres, a qual tem por pároco o Pe. Gibrail Walendorf. A Paróquia em março completou 50 anos e, recentemente, recebeu nova configuração, passando a contar com 11 comunidades.

Confira abaixo as principais destaques e impressões de dom Jaime sobre a Visita:

“O primeiro dia foi mais de visitas a alguns doentes e a uma escola e, no final da tarde, reunião com o Conselho Pastoral Paroquial (CPP) e às lideranças das comunidades na sede da Paróquia. Após a leitura orante de Mt 6,24-34 conversamos sobre o Plano de Pastoral da Paróquia, realizações e perspectivas.

No segundo dia devido ao Fórum Diocesano das Pastorais Sociais, tive uma conversa com alguns jovens e, a noite, Santa Missa na Igreja da sede, onde os novos Ministros Extraordinários da Eucaristia receberam a investidura e os já Ministros renovaram seus compromissos.

Na sexta, dia 14, na parte da manhã encontro com o prefeito da cidade e visita à Escola. Pela tarde, visita à Escola da comunidade dos Hilários e duas celebrações eucarísticas: às 17 horas, na comunidade Moro das Pedras e, às 19 horas, na comunidade dos Mengues.

No Domingo pela manhã, Santa Missa às 8h30min na comunidade Nossa Senhora da Glória – Pirataba, depois uma conversa sobre alguns projetos deles e almoço com as lideranças. Às 16h30min Missa com Crisma de 7 adolescentes na comunidade de Areia Grande e às 19h, Santa Missa de conclusão da Visita Pastoral na igreja São José Operário.

Minha impressão sobre a caminhada desta Paróquia é positiva, tem um bom potencial de casais novos, jovens e lideranças, mas receosos de assumir responsabilidades maiores nas comunidades. É bonito ver as famílias participando juntos das celebrações das comunidades.

Precisam se desafiar mais na questão de algumas pastorais sociais, como a Pastoral da Criança e a Pastoral da Pessoa Idosa. Quanto a Pastoral do Dízimo, está muito a quem daquilo que poderia e deveria ser.

Nota-se esforço e investimento na Catequese de crianças e adolescentes, na formação de adultos e também no campo da liturgia. Ressaltar a quantidade de Ministros Extraordinários da Eucaristia.

Exorto as comunidades a fortalecerem seus vínculos como rede de comunidades na mesma Paróquia, assumindo juntas as responsabilidades e crescendo na integração. Exorto, especialmente, os casais que já fizeram o Cursilho, que não são poucos, como também outros a não ter medo de assumir serviços e ministérios como forma de viver a fé e ajudar suas comunidades.

Destaco a boa relação das comunidades com o pároco, Pe. Gibrail, e sua aceitação. Faço votos que todos coloquem em comum seus dons e talentos, para que o potencial que existe não seja enterrado e a comunidade empobrecida por falsa humildade. Mãos à obra. Marcar mais presença nas iniciativas e eventos diocesanos.”

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.