Programação do Mês do Dízimo ocorre de 07 a 30 de julho

 

A Diocese de Osório, por meio da Comissão Diocesana da Pastoral do Dízimo, promove entre os dias 07 e 30 de julho uma programação diocesana e incentiva as paróquias a realizarem programação paroquial no Mês do Dízimo, que tem como tema nesse ano “Dízimo, avançando juntos no Caminho”, fazendo referência ao ano jubilar de 25 anos de criação da Diocese de Osório.

De acordo com a coordenadora diocesana para a Pastoral do Dízimo, Fabíola Romitti, o dízimo faz parte da nossa vida, da nossa fé e que, às vezes, não compreendemos direito as suas dimensões e não damos a devida importância. “A Semana do Dízimo objetiva levar mais informações sobre o que é o dízimo e a importância dele na vida de fé da nossa comunidade”, afirma Fabíola.

 

O QUE É DÍZIMO?

Existem muitos conceitos sobre o dízimo. Mas, em linhas gerais, o dízimo significa literalmente, “décima parte”. No sentido mais amplo, o dízimo para a Igreja Católica é uma doação livre e espontânea que o fiel leva até a igreja a fim de contribuir para com a manutenção da mesma, mas não somente no sentido de manter a estrutura e despesas.

De acordo com assessor eclesiástico para a Pastoral do Dízimo na Diocese, Pe. Ozéias Vieira dos Santos, quando a pessoa compreende que participa de uma comunidade viva, ela passa a ser preocupar mais com ela.

“É uma questão de fé. Não é questão de pagamento. É uma devolução. É a evangelização em sinal de partilha”, acrescenta Pe. Ozéias citando o documento 106 da CNBB – O dízimo na comunidade de fé, “o dízimo é uma contribuição sistemática e periódica dos fiéis por meio da qual, cada comunidade, assume responsavelmente sua sustentação e da Igreja, pressupondo pessoas evangelizadas e comprometidas.”.

 

DIMENSÕES E FINALIDADES

O mais recente documento da CNBB sobre o dízimo, o documento 106, esclarece sobre a diferença que existe entre as finalidades e as dimensões do dízimo.

As finalidades do dízimo significam a aplicação do dízimo pela igreja. Conforme o próprio direito canônico, o dízimo deve ser aplicado nas várias necessidades da igreja: manutenção dos ministros, obras de evangelização, manutenção dos lugares de culto, organização da caridade com os pobres, preparação dos futuros ministros e muitas outras.

Já as dimensões do dízimo são os elementos constitutivos do próprio dízimo, a sua essência, e sua razão de ser. O documento nos fala de quatro dimensões: religiosa, caritativa, eclesial, missionária.

Estas são informações valiosas para você que ainda não é dizimista, mas, que já aspira ser há muito tempo. Nesta ocasião especial do Mês do Dízimo procure o pároco ou algum agente da Pastoral do Dízimo da sua paróquia e partilhe com ele o desejo de tornar-se dizimista.

 

PROGRAMAÇÃO DIOCESANA

Domingo, 07 de julho

Missa, às 19h

Na igreja São José Operário – Vila São João, em Torres

 

Terça-feira, 09 de julho

Live às 19h, no Facebook da Diocese de Osório

Tema: Dízimo na Catequese

 

Domingo, 14 de julho

Missa, às 8h

Na igreja Santo André Avelino, em Maquiné

Após a celebração, café da manhã partilhado (levar algo para colaborar)

 

Terça-feira, 30 de julho

Live às 19h, no Facebook da Diocese de Osório

Tema: História do Dízimo na Diocese de Osório

 

 

PROGRAMAÇÃO PAROQUIAL

– É sugerido a cada paróquia, por meio da Pastoral do Dízimo paroquial, disponibilizar um espaço no interior das igrejas, representando o “lugar sagrado do dízimo”;

– Também, que façam a leitura de mensagens sobre as 04 dimensões do dízimo nas Santas Missas realizadas no mês de julho;

– Fazer cartaz com as dimensões do Dízimo para deixar nas igrejas e pode ser utilizado na procissão de entrada nas Santas Missas;

– Entre outras atividades, que julgarem importantes para celebrar o Mês do Dízimo.

 

Orientação: Façam registros fotográficos, vídeos e notícias, por meio da Pascom paroquial, e marque a Diocese de Osório no Facebook e Instagram @diocesedeosorio.