Notícias da diocese › 14/07/2017

Padres da diocese de Osório participam de atualização para formadores de Seminários

A Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (Osib) está realizando, de 10 a 14 de julho, em Aparecida (SP), a Semana Nacional de Atualização para Formadores. O encontro reflete sobre a “Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis”, documento da Congregação para o Clero do Vaticano, que tem como tema “o dom da vocação presbiteral”, enfatizando a Dimensão Espiritual. Pela Diocese de Osório participam o reitor do Seminário Maior Rainha dos Apóstolos, Pe. Ildomar Danelon e o diretor espiritual, Pe. Hilário Sozo.

O encontro conta com a assessoria de Dom Jorge Patrón Wong, secretário da Congregação para o Clero no Vaticano, e de Dom José Roberto Fortes Palau, bispo auxiliar de São Paulo e referencial da OSIB. Participam cerca de 230 padres de todo o Brasil.

Na manhã desta sexta-feira, 14, Pe. Ildomar e Pe. Hilário juntamente com os demais padres participantes do Encontro celebraram a Eucaristia no Santuário Nacional de Aparecida. De acordo com Pe. Ildomar, foram colocadas intenções aos seminaristas de todo o Brasil e, especialmente, aos seminarista da nossa Diocese.

“Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis”

A Congregação para o Clero (Santa Sé) publicou, dia 08 de dezembro de 2016, a “Ratio fundamentalis institutionis sacerdotalis”, decreto orientador para a formação de padres católicos, na qual sublinha a importância da “formação integral” e da maturidade psíquica, sexual e afetiva.

A ‘Ratio fundamentalis institutionis sacerdotalis´é atualizada 46 anos depois, procurando unir de “modo equilibrado as dimensões humana, espiritual, intelectual e pastoral, através de um caminho pedagógico gradual e personalizado”.

O decreto defende ainda que deve ser prestada “máxima atenção ao tema da tutela dos menores e dos adultos vulneráveis”, evitando admitir ao seminário pessoas ligadas a “delitos ou situações problemáticas” relacionadas com abusos sexuais.

Para o cardeal Beniamino Stella, três palavras-chave são fundamentais para a compreensão do documento: “humanidade, espiritualidade e discernimento”. O texto realça a importância de não limitar a avaliação ao percurso acadêmico dos candidatos ao sacerdócio. O novo decreto, intitulado ‘O dom da vocação presbiteral’, de mais de 80 páginas, está disponível na internet.

Com informações do site da CNBB.

Fotos: arquivo pessoal

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.