Notícias da diocese › 27/03/2018

Kairós Juvenil e a experiência de ser vocacionado

No final de semana, 24 e 25 de março, início da Semana Santa, aconteceu em Três Cachoeiras, na casa de Formação Padre Delai, o encontro vocacional chamado Kairós, que reuniu 10 jovens que têm sentido um chamado à vocação presbiteral.

O Kairós tem o objetivo de ajudar no discernimento de quem sente o desejo de seguir a vocação de padre. De acordo com a equipe organizadora, o Encontro procura dar elementos para uma caminhada onde a liberdade da pessoa e as orientações da Igreja se encontrem. “É um ‘tempo de graça’ ousando traduzir o termo ‘kairós’, e que é feito em vários momentos, propondo um caminho de fé e resposta ao chamado de Deus”, afirma o reitor do Seminário Maior Rainha dos Apóstolos e promotor vocacional, Pe. Rodrigo Schüler.

Para Pe. Rodrigo, cada vocacionado é convidado a inserir-se na comunidade e a partir dela fazer brotar o verdadeiro compromisso eclesial que emana da vocação do padre. “Neste ano, em sintonia com outras dioceses do Sul do Brasil, somos todos motivados a assumir a ação evangelizadora ‘Em cada comunidade uma nova vocação’, fazendo despertar em todas as comunidades novas vocações para a Igreja, incentiva o Reitor.

 

O que significa a experiência do Kairós

Segundo o seminarista Jackson William, “participar deste Kairós foi reviver a experiência do início da minha caminhada vocacional. Também, olhar e perceber no rosto de cada participante a jovialidade do evangelho e crer num horizonte de vida e esperança para a nossa Diocese.”.

Para uma das integrantes da equipe vocacional da paróquia São José de Três Cachoeiras, Cléria Carlos Cardoso, que auxilia nos encontros há mais de 15 anos, participar do Kairós é sempre motivo de gratidão. “Os casais do grupo São José  sentem-se agradecidos pelo convívio no Kairós. O grupo vocacional tem um enorme amor e carinho em servir aos jovens que estão dispostos a fazer a caminhada para o discernimento de suas vocações”, afirma Cléria.

O seminarista Jackson considera que os vocacionados fizeram uma bonita integração no final de semana, e como foi o primeiro do ano, buscou-se maior entrosamento para um comprometimento de deixar acesa a chama deste despertar vocacional. “Muitos eram novos, outros já tinham experiência do Encontro, como o jovem Murilo Oliveira, que retorna este ano aos encontros”, explica o seminarista.

Em depoimento, o jovem Murilo, com muita firmeza afirmou que “o amor por Deus e pela comunidade transforma o coração, provocando e despertando novos caminhos” e, que por isso, sentiu-se chamado a dar um sim com mais firmeza e continuar sua trajetória de discernimento vocacional.

A partir do incentivo da Ação “Em cada comunidade uma nova vocação”, cada padre, cada leigo, especialmente os que assumem ministérios nas comunidades e paróquias devem convidar, provocar e fazer despertar em muitos outros jovens esse chamado, que Deus mesmo sempre faz a cada um. De acordo com os membros da equipe vocacional, “às vezes o chamado a ser padre fica adormecido, ousemos um pouco mais, olhar nos olhos e convidar é fazer-se instrumento do amor de Deus.”.

O Kairós foi conduzido pelo reitor do Seminário da Diocese de Osório, Pe. Rodrigo Schüler, os seminaristas Israel Maia e Jackson William dos Santos, com o apoio de casais da equipe vocacional da Paróquia de Três Cachoeiras, assim como a presença do bispo diocesano, Dom Jaime Pedro Kohl, com orientação e seu testemunho vocacional.

 

>>> Mais informações sobre o Kairós Juvenil e sobre como participar, contate pelo email seminario@diocesedeosorio.org

 

Acompanhe no vídeo os jovens que participaram do Kairós Juvenil:

 

 

Colaboração: Equipe Vocacional Diocesana

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.