Notícias da diocese › 19/06/2020

Igreja celebra a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus

A Igreja católica celebra hoje, 19 de junho, sexta-feira, a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus. São João Paulo II disse que “esta festa lembra o mistério do amor que Deus tem pelos homens de todos os tempos”.

Em junho 1675, o próprio Senhor disse à Santa Margarida: “Peço que na primeira sexta-feira depois da oitava de Corpus Christi, se celebre uma Festa especial para honrar meu Coração, e que se comungue nesse dia para pedir perdão e reparar os ultrajes por ele recebidos durante o tempo que permaneceu exposto nos altares.”.

Posteriormente, o Beato Pio IX, em 1856, estendeu oficialmente a Festa do Sagrado Coração de Jesus a toda a Igreja. Em 1899, o Papa Leão XIII publicou a encíclica ‘Annum Sacrum’ sobre a consagração da humanidade ao Sagrado Coração de Jesus, que se realizou no mesmo ano.

 

>> Na Diocese de Osório, o Pe. Ozeias Vieira Santos, diretor diocesano da Rede Mundial de Oração do Papa, escrevei um artigo intitulado “Coração Santo, Tu reinarás”, que você confere abaixo:

“Coração Santo, Tu reinarás

 Durante os séculos a devoção ao Sagrado Coração de Jesus foi e é um centro comunitário para oração e para a vida apostólica da Igreja, mas também ao longo dos séculos em alguns lugares foi reduzida para pessoas idosas, visão está totalmente desencontrada com o verdadeiro significado da espiritualidade do Coração de Jesus. Porque a devoção ao Sagrado Coração de Jesus é para toda Igreja, pessoas idosas, homens, mulheres, jovens e crianças, à todos que deixam se encontrar por esse Coração amoroso de Cristo Jesus.

O Papa Francisco nos lembra que a devoção ao Coração de Jesus para o nosso tempo é uma das mais belas devoções com respaldo bíblico, litúrgico e eclesial. É uma devoção simples, mas profunda, pois todos tem acesso a ela. Portanto, o mais difícil é converter as pessoas aceitarem a proposta, no entanto, existe uma carência muito grande no que diz respeito a dinâmica de apresentação ao Coração de Jesus as pessoas.

Normalmente na maioria de nossas paróquias, é comum encontrarmos somente aquelas senhoras e senhores do Apostolado da Oração sem muito entusiasmo, desmotivando os demais, com esta falta de admiração a devoção ao Coração de Jesus , fica distorcido o verdadeiro significado, que se resume em: “atrairei todos a mim” (JO 12, 32).

O Apostolado da Oração deve sim, conforme Estatuto da Rede Mundial de Oração do Papa, Art. 2, “estar aberto a todos os católicos que desejam despertar, renovar e viver o caráter missionário que procede seu batismo”. Isso não se resume somente na primeira sexta-feira de cada mês, mas durante todo o tempo, vivenciando as intenções do Papa para cada mês, também continuar espalhando, divulgando e animando a devoção ao Coração de Jesus, sendo um grupo ativo na ação pastoral de acordo com cada realidade.

O Coração de Jesus supera todas as expectativas derrotistas, porque é uma devoção da esperança diante de uma realidade mundana que o mal tem poder. A devoção ao Coração de Jesus é afirmar, mesmos com vozes desafinadas, “Coração Santo, tu reinarás”.

Segundo Recriação do Apostolado da Oração, Documento 1, no dia 3 de dezembro de 2014 o Papa Francisco passa a chamar o Apostolado da Oração de Rede Mundial de Oração do Papa. Este documento nos apresenta três pontos de vista, o primeiro: O Apostolado da Oração é antes de tudo fazer-nos interiormente disponíveis para a missão de Cristo, segundo: o Apostolado da Oração é um caminho espiritual (…) esse que vai conduzi-los a uma aliança de amor pessoal com Ele, simbolizada no seu Coração,  e  o  terceiro: o Apostolado da Oração é uma Rede de Oração aos desafios da humanidade e da missão da Igreja. Na visão do Papa o Apostolado da Oração está a serviço de todos na Igreja, principalmente para aqueles que querem ir mais além na sua relação com o Senhor.”

 

Acesse o roteiro para Celebrar em Casa a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus:

 

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.